Pousadas de Petrópolis: Parador Santarém Marina

Com vista para as montanhas, debruçada sobre um lago com patos e gansos, a piscina é uma das mais agradáveis que já mergulhei

Com esse calorão, dar uma escapada às serras fluminenses é uma delícia, algo quase essencial. Então, depois do texto sobre o restaurante Camponesa da Beira, em Teresópolis, vou dar um tempo nas postagens de carnaval para falar um pouquinho das montanhas cariocas, deliciosamente frescas nesta época.

O casal Laerte e Claudia Mazza, enquanto os filhos eram pequenos, se dividia entre o Rio e Petrópolis. Eles tinham uma linda chácara, o Sítio Santarém, na localidade de Santa Mônica. A petizada (incluindo a querida Florença Mazza, grande amiga dos tempos de JB – entramos no jornal no mesmo dia e para trabalhar na mesma editoria) cresceu. Então eles subiram definitivamente a serra e transfomaram a casa de veraneio em pousada.
A presença contínua do casal, as visitas dos filhos, os empregados antigos faziam o lugar mais parecer a casa de amigos. E era assim mesmo. Os hóspedes logo viravam amigos – e não se cansavam de voltar. Muitos artistas, famosos e milionários de todo o tipo vez ou outra usavam o heliponto.
Num grande terreno projetado com lindo paisagismo se espalham várias construções, mantendo pouca área construída e muito verde, uma piscina que emenda num lago de cisnes, uma quadra de tênis e outra poliesportiva, além de um pequeno campo de golfe.
Claudia é uma decoradora de muito bom gosto, altamente requisitada pela alta sociedade carioca. Dá para imaginar o cuidado com que ela arranjou a propriedade. A arquitetura privilegia a madeira, o vidro, com direito a telhados de sapê em algumas construções. Realmente uma graça.
Em 2005 Laerte faleceu. Então, a família arrendou a propriedade para o grupo Marina, que iniciava o seu projeto de expansão para outras cidades (já tem em Búzios também). Então o Parador Santarém acrescentou o Marina ao nome. Se por um lado a chegada do grupo tirou um pouco do caráter familiar do empreendimento – e não podia ser diferente – por outro profissionalizou os serviços, facilitou o sistema de reservas e elevou as pretensões gastronômicas do lugar. Saíram as fotos da família (cadê a Florença que estava aqui?, me perguntei). Mas isso teve o seu lado bom. O Marina levou o Leblon para a serra. E o Leblon é o máximo. Foi a partir daí, por exemplo, que o Guia Brasil o colocou no topo entre os hotéis de Petrópolis. Para o GB, é o melhor hotel do município que tem excelentes hotéis, diga-se de passagem. Para você ver. É realmente um lugar especial. As construções são elegantes, valorizam a paisagem, bem integradas à natureza. São blocos independentes. Na casa principal está o restaurante, hoje sob a supervisão do chef Felipe Bronze, e alguns quartos, além de um home theater e uma deliciosa saleta subterrânea, a cave de vinhos, muito romântica, onde são servidos fondues. Outras duas alas acomodam mais quartos. Noutra construção, uma brinquedoteca bem completa, com direito a pula-pula, evidencia o caráter familiar que persiste. O Parador Santarém é uma das poucas boas pousadas serranas nas quais crianças são bem-vindas – como se sabe, pousada serrana é muito mais voltada a casais – e muitas nem aceitam crianças (o que, aliás, é muito justo). Na capela toda envidraçada, muito graciosa, casamentos eram e são realizados. Deve ser lindo. Quando eu casar vai ser um dos lugares que cogitarei (junto com o Cristo Redentor, a Igreja de São Benedito, em Paraty, e qualquer capelinha de Pedra construída por imigrantes italianos no Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha). Mas a construção mais importante do ponto de vista do entretenimento é aquela anexa à piscina. Ali está o bar de onde saem bons drinques, a hidromassagem deliciosa, as saunas seca e a vapor, a sala de sinuca e as espreguiçadeiras, irresistíveis espreguiçadeiras. A piscina é das mais gostosas, colada ao lago, com borda infinita. Uma escadinha leva a uma parte rasa onde pais e filhos se esbaldam, antes de chegar a parte mais funda. De dentro da água é possível para dar comida aos patos, gansos e peixes do lago. E quem quiser pode pedir uns cavalos para passear pela região.
O café da manhã é farto como deve ser numa pousada do gênero. É aquela coisa toda: iogurtes, frutas mil, cereais, frios, queijos, pães de todo o tipo, doces, sucos, tortas, bolos. Tudo bem gostoso – um traço familiar que permanece. Na hora, como deve ser, os ovos são mexidos, o misto e o queijo quente são tostados na chapa e o cafezinho é passado. Uma tradição desde a época dos Mazza, o café é servida no jardim, lá perto do bar da piscina, nos dias de céu mais aberto.
Os quartos são grandes e banheiros idem. Roupa de cama macia, roupões e toalhas felpudos. Para os dias de verão (pois é, hoje em dia é preciso ar-condicionado na serra) tem ar-condicionado, para o frio, aquecedor – além de duas grandes lareiras no salão do restaurante.
Para quem precisar, tem internet wi-fi por todo o lugar. Mas eu duvido que você queira.

Índice de posts de cidades no estado do Rio de Janeiro: clique aqui.

About these ads

3 Respostas to “Pousadas de Petrópolis: Parador Santarém Marina”

  1. Dri Says:

    Aproveitando o gancho… Quem quiser conferir o Parador Santarém, é muito bem vindo também na Empório Contemporâneo! A loja fica no início da Estrada das Arcas (entrada pra Santa Monica) e vende utensílios para casa, taças Schott, máquinas Nespresso e tb um pequena e selecionada variedade de vinhos!!!

    Desculpem o mechã prórprio, mas eu garanto que uma paradinha lá na ida ou na volta só acrescenta charme numa viagem dessas!

  2. Índice de posts de cidades no Rio de Janeiro « Rio de Janeiro a Dezembro Says:

    [...] – Pousadas de Petrópolis: Parador Santarém Marina [...]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 981 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: