O resto é bar

Pastéis de feijão do Bar do Mineiro que, apesar do nome, é um boteco, e dos bons

Outro dia fui parar no Boteco Salvação, que de boteco não tem nada, é só um bar, nada mais que isso.

Então, começamos a conversar sobre o tema. Afinal, o que é um bar e o que é um boteco, o que um difere do outro.

Debatemos um pouco para que eu concluísse que boteco são aqueles tocados pelo dono, com administração familiar, sem filiais. Aqueles em que os mais chegados têm conta, aqueles cujos televisores não são de plasma e nem passam novela, só futebol. Tanto faz se serve cerveja ou chope. Boteco é o Bar Rebouças, apesar do nome. É o Chachambeer e o Original do Brás, é o Adonis, o Antigamente, o Petit Paullete,  o Bar do Mineiro, o Aconchego Carioca, o Pavão Azul, todos engordados pelos olhos dos donos.

Boteco, para mim, é isso. O resto, parodiando a canção da bossa nova, o resto é bar, é Belmonte, é Devassa, é Informal…

Anúncios

Uma resposta to “O resto é bar”

  1. Adriana Says:

    os pasteis e a feijoada do Bar do Mineiro em Santa Teresa são imbatíveis! 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: