Brigite’s: já está funcionando mais uma grata novidade na gastronomia carioca

Em Paris, é difícil encontrar uma taça de champanhe por menos de 10 euros. Acho que o mínimo que paguei foram 9. Quem sabe 8. Pois no Brigite’s, a nova casa de Ana Carolina Gayoso e Marina Hirsch, sócias do Sushi Leblon e do Zuka,  podemos pedir uma flûte de Lanson por R$ 25, o equivalente a 10 euros. Bom, né?

Melhor que isso, só mesmo a nova leva de restaurantes que o Rio ganhou. Temos o Irajá, o Vieira Souto, a Bottega del Vino

No bar, uma linda cuba (acho que de ardósia), cheia de borbulhas. Além do Lanson, brut e rosé, tem 3B da Filipa Pato, Catattini… Tudo gelandinho, esperando por nós.

Pessoalmente acho linda essa imagem. Espumante já é bom só de olhar.

A carta de vinhos, montada pelo craque Paulo Nicolay, está ótima: é curta, mas a seleção de vinhos é das melhores, só coisa boa e, o que é melhor, a preços justos. Esse Saint-Emilion aí de cima é o mais caro da lista, e custa R$ 215, mesmo preço de argentinos e chilenos vulgares que encontramos nos restaurantes por aí. Mas 20 vezes melhor.

Esse Poderuccio, a R$ 16 a taça, também tá com um precinho bem camarada a meu ver.

Achei o lugar bonito e agradável, com um bar gostoso para ficar petiscando e bebericando. Ontem, quem fez isso, e parecia contente, foi o Vik Muniz, que está em todas, e foi logo conferir a nova casa do Leblon (não encontrou? É o cara de preto).

O cardápio foi criado pela chef Ludmila Soeiro, uma das melhores do Rio, criativa e dona de uma ótima técnica, mas ela não vai ficar à frente da cozinha, vai ficar ao lado, já que o Zuka, sua casa, está coladinha, coisa de parede com parede. Não provei muita coisa, mas o melhor de tudo foram os croquetes de pato com uma creminho de wasabi, combinação fantástica, que ficou ainda melhor com o Bordeaux, vinhaço. Sou patófilo e, portanto, ligeiramente suspeito, mas gostei demais, muita coisa, desse petisco.

O ambiente está bem bonito e charmoso, com mesas maiores…

… e outras menores,….

… um mezanino bacana, lá atrás…

… e uma parede de vidro, escancarada para a Dias Ferreira. Deve ser um dos melhores lugares para gastar uma tarde ensolarada de inverno, ali no balcão do bar.

O menu ainda está em testes. Os bolinhos de quinoa com chutney de aipo, por exemplo, já está aprovado…

… enquanto o tempurá de vagem francesa e aspargos ainda está sendo avaliado.

Além da boa seleção de vinhos, o bar tem ótimos drinques. Não que seja especialista, ou muito chegado em drinques, mas posso dizer que esse foi o melhor bloody mary  que eu já bebi, equulibrado e com um toque acentuado de tabasco, o que é uma delícia para o pimenteiros como eu. Devorei o aipo inteiro.

É isso aí, curti.

Agora, para encerrar, deixo o cardápio…

… e a carta de vinhos.

Índice de posts de bares e restaurantes na cidade do Rio de Janeiro: clique aqui.

14 Respostas to “Brigite’s: já está funcionando mais uma grata novidade na gastronomia carioca”

  1. André Dametto Says:

    O local está de parabéns, fui recentemente e fui muito bem recebido, além de provar um parpadelle de pupunha delicioso, leve e com muito sabor. Sucesso aos empreendedores!

  2. Dri Says:

    Gostei do cardápio! Mas na briga ali da Dias Ferreira, quem tá ganhando? Brigitte ou Bottega del Vino??

    • brunoagostini Says:

      Oi, Dri. Seroa difícil avaliar. Porque jantei na Bottega, mas só petisquei no Brigitte’s. Mas aparentemente eles se equivalem. Gostei de ambos. Acho que o norte é o seguinte: quando tiver com vontade de Itália, a Bottega, quando quiseres algo mais contemporâneo, o Brigitte’s. Dá até para ir primeiro num, para a entrada, e depois no outro, para o prato principal. Beijo

      • Dri Says:

        Imagino que na Bottega tenham mais opções de vinhos também… Mas a gente pode colocar essa estratégia em prática (de entrada no Brigitte e jantar na Bottega) em janeiro! Ou então podemos ir no Astor (fiz as pazes com o cardapio novo e os tamanhos das porçoes). Bebi um sauvignon blanc Alamos por honestíssimos R$15 a taça!

  3. brunoagostini Says:

    Então vamos fazer isso, começando no Brigite’s e migrando para a Bottega. E ainda quero ir ao Bazzar, porque o cardápio de verão parece ótimo.

  4. Cris Berger Says:

    Que delícia de post, Bruno! A-do-rei! beijos dos pampas!

  5. Bretagne: padaria e bistrô de Olivier Cozan, no Leblon, abre as portas com boas propostas, mas é preciso ajustar os ponteiros « Rio de Janeiro a Dezembro Says:

    […] última casa a abrir as portas foi o Bretagne, depois de Irajá, Vieira Souto,  Bottega del Vino e Brigite’s.  Há méritos, mas também erros na nova casa, que funciona no lugar do finado Le Bronx, que […]

  6. Índice de posts de bares e restaurantes na cidade do Rio de Janeiro « Rio de Janeiro a Dezembro Says:

    […] Brigite’s […]

  7. Vitor Says:

    Estive no Bretagne na semana passada, saí com a impressao de que o Olivier esqueceu tudo o que sabia de bom no Ix, ultima e curta passagem (aliás como bom corredor suas passagens são sempre meteóricas…): os pães estavam frios e duros, os queijos decepcionantes, e a selecao de vinhos disponivel na Enomatic bem inferior a que costumava encontrar no Ix…parece que o ponto é destinado à baixa gastronomia, e olha que manter o baixo nivel do Lebronx nao era um desafio dos mais faceis!

    • brunoagostini Says:

      Caro Vitor, obrigado pela sua leitura e comentário, mas acho que você postou no post errado. Um abraço

  8. Meus restaurantes favoritos no Rio e algumas diquinhas (updated) « tem a ver comigo Says:

    […] maravilhosa. O Dan pediu um tagliatele de pupunha trufado que estava ok – nada demais! Vi um post sobre o restaurante que vale […]

  9. teresa Says:

    e o endereço e o telefone?

  10. Meus restaurantes favoritos no Rio e algumas diquinhas (super updated) « tem a ver comigo Says:

    […] maravilhosa. O Dan pediu um tagliatele de pupunha trufado que estava ok – nada demais! Vi um post sobre o restaurante que vale […]

  11. Maysa Alexandrino Says:

    Olá Bruno,
    Conheci o Brigite’s esse ano e adorei!
    Fui de menu executivo, que apresentou excelente custo-benefício.
    Ótimos pratos, inclui entrada+prato principal+sobremesa por R$ 50.
    Amei!
    Bjos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: