Terê Botequim: nove bares que merecem ser visitados na serra

Terê Botequim: uma seleção de nove endereços imperdíveis

Um dos grandes méritos do guia Rio Botequim é conseguir se renovar a cada nova edição. Dessa vez não foi diferente.

Em primeiro lugar há o texto brilhante do Paulo Thiago de Mello, tratando com memória afetiva, conhecimento de causa e um olhar antropológico, com requintes acadêmicos, o que é essa instituição carioca, o botequim.

Depois de catalogar com ótimos textos e imagens todos os botecos mais clássicos do estado do Rio, agora o título faz um inventário dos endereços desconhecidos. São lugares ainda poucas vezes incluídos em guias de qualquer natureza. Alguns apresentam relativa fama, como o Galeto Sat’s, em Copacabana; o Bar do Horto, no Hortomercado de Itaipava, em Petrópolis; e outros foram pinçados a dedo em localidades como Paraty, caso do restaurante Netto; Ipiabas, em Barra do Piraí, o Zappa Bar; e Ilha Grande, como o Lua & Mar; ou mesmo no Rio de Janeiro, como o restaurante Faria, no Centro; a Merceria Arouca, no Cosme Velho; e o Bar Popeye, em Ipanema.

O guia está ótimo. Mas senti falta de representantes teresopolitanos, que já esteve presente no guia Rio Botequim em pelo menos uma edição, com a inclusão do Caldinho de Piranha, um botecão clássico do bairro de Agriões, especializado em pescados, além do acepipe que lhe batiza, uma encorpada e bem temperada sopa do invocado peixe pantaneiro, que fica uma maravilha quando regada com pimenta malagueta e azeite.

Aproveitando que tenho visitado Teresópolis regularmente, minha segunda casa, tenha frequentado botequins e restaurantes os mais variados.

Pelo menos nove deles poderiam ser incluídos em qualquer guia gastronômico que se faça do Rio de Janeiro, especialmente os que se dedicam a buscar coisas genuínas, de caráter tradicional, isso em forma de restaurantes clássicões, botequins de mais diversos perfis, biroscas pitorescas, pés-sujos e casas no estilos armazém de secos e molhados, e mesmo aqueles lugares que servem comida boa e barata em ambiente despojado.

BAR DO MINEIRO: Lugar simples, frequentado por famílias, casais e grupos de amigos, atrás de prazeres simples, com uma cerveja gelada escoltada por uma comida boa e barata. Os PFs são ótimos, mas a razão para uma visita a este botequinho simples e simpático é o raro chouriço, produzido em Além Paraíba (MG), além de uma costelinha de porco fabulosa. Tel. (21) 3097-2258.

BAR DO RANGEL: Você não dá nada por esse boteco simples com uma churrasqueira na porta… até provar o cupim e o peito de boi assados no bafo, a farofinha e o feijão. Mas não é só isso. A feijoada é maravilhosa. E, com alguma sorte, encontramos na vitrine aquecida um jiló fantástico, coberto com uma espécie de molho à bolonha, que também faz as vezes de recheio, ao lado de pedacinhos de quejo minas. Tel. (21) 2642-9039.

BIROSCA ROMANA DI SANDRO: O nome dá bem a noção do que se trata: um boteco italiano, que oferece boa comida a ótimos preços. O melhor são as massas acompanhadas de carnes servidas com molhos admiráveis, que podem ser comprados em potinhos para levar para casa (vale a pena). Prove a polenta com carne moída, a rabada, o ossobuco, o carneiro e o coelho assado. Não tem erros. Tel. (21) 2644-8484.

CALDO DE PIRANHA: Um dos melhores lugares do estado do Rio de Janeiro para comer peixes e frutos do mar. Além da sopinha que batiza a casa, vale provar o polvo ao alho e óleo e também o camarão acebolado no bafo, que ficam ótimos na companhia de brócolis. Para tudo ficar ainda melhor, peça uma porção extra de alho frito, e regue tudo iso com azeite e pimenta. Tel. (21) 2643-4908.

CAMPONESA DA BEIRA: Uma portinha discreta no Centro de Teresópolis serve bolinhos de bacalhau fantásticos (peça para fritar na hora), além de receitas com o peixe, com aquele preparo seguro de quem passou anos da vida ao fogão, caso da portuguesa Maria do Céu, que administra a casa ao lado do marido. Sob encomenda serve outras receitas, como cabrito assado. Tel. (21) 2742-1993.

CANTINHO DA VALÉRIA FERNANDES: São 113 sabores de pastel (como cordeiro com shitake) e cerca de 300 conservas diferentes, tudo preparado ali. Além dos petiscos, há um pequeno menu de pratos principais, e de outros que podem ser encomendados com antecedência, como o picadinho de javali ao alho. Tel. (21) 3643-6285.

LEITERIA SANTO ANTÔNIO: Apesar do nome, e da boa oferta de queijos e laticínios, o lugar é famoso mesmo por causa das empadas deliciosas, com massa delicada, servidas em versões com ou sem pimenta: as de carne-seca e de camarão, apimentadas, é claro, são as melhores. Mas também tem uma outra ótima, digna de nota, de palmito. Tel. (21) 2643-2435.

RISER DELIKATESSEN: Típico armazém, vende queijos, vinhos, conservas e produtos alimentícios variados. Mas também é ponto de encontro de moradores, que bebem cerveja de pé, consomem algumas das comidinhas disponíveis (com pão da padaria ao lado) e eventualmente até se juntam para cozinhar na pequena cozinha nos fundos. Tel. (21) 2742-9680.

TABERNA ALPINA: Endereço tradicionalíssimo, tem o charme da idade avançada, com garçons à moda antiga e cardápio idem. As especialidades alemães dão o tom: pato assado, salsichas, steak tartare, goulash e língua ao molho madeira estão entre os pratos mais indicados do menu, que também apresenta receitas típicas do receituário tradicional do Rio de Janeiro, como filé à francesa e escalopinho ao molho madeira com arroz á piemontese, além de uma generosa língua com purê de ervilha.. Para encerrar, goiabada com catupiry. Tel. (21) 2742-0123.

E mais:
Terê botequim, parte 2
Terê b otequim, parte 3

Índice de posts de cidades no estado do Rio de Janeiro: clique aqui.

Anúncios

2 Respostas to “Terê Botequim: nove bares que merecem ser visitados na serra”

  1. Isabella Correa Says:

    A Taberna Alpina é o restaurante da minha infância! Sempre lembro do omelete a caçadora deles. Parabéns pelo blog!

  2. mario p monteiro Says:

    Dicas muito sugestivas, subo amanhã para começar o “tour de force”. Ainda há que descobrir os endereços.
    Sua pesquisa é sedutora; parabéns e bom gosto!…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: