Entretapas vai abrir nova casa, desta vez no Jardim Botânico, com cardápio de almoço e espaço para vinhos

Os alucinantes “huevos rotos”, um dos pratos deliciosamente simples e muito bem executados do Entretapas

Quando me perguntam qual é o melhor bar de tapas do Rio, eu respondo, sem pestanejar: Entretapas.
Tenho absoluta convicção de que mesmo na Espanha não é fácil encontrar um lugar com uma comida em tal alto nível.
Ao mesmo tempo, fico um pouco confuso. Acho o lugar tão bom, mas tão bom, que classificá-lo como bar de tapas me parece algo menor. É como classificar um maestro como trompetista.
O Entretapas, se for considerado como tal, é seguramente o melhor não do Rio, mas do Brasil. Talvez da América do Sul. Talvez das Américas, e do Caribe. É um bar de tapas impecável, onde tudo o que como é, no mínimo, muito bom, quando não, sensacional. É hoje um dos meus lugares preferidos aqui no Rio de Janeiro. Como bar de tapas, e como restaurante.
Porém, acho que a casa é mais que isso. É um señor restaurante. No nível dos melhores da cidade, quando se propõe a preparar pratos mais sérios, como é o caso da adorável bochecha de vitelo com purê de grão-de-bico, que alcança nível altíssimo: está no mesmo patamar dos grandes da cidade, como Le Pré Catelan, Gero, Olympe, Antiquarius, Quadrifoglio, D’Amici, endereços que sempre apostaram em pratos assim, uma carne assada lentamente, servida com molho da redução dos caldos do próprio cozimento, e algum tipo de vegetal, ou alguns tipos de vegetal, servidos em forma de purê, ou mesmo grelhados ou assados (há também quem prepare risoto, polentas ou massas para acompanhar).
Há coisas simples, que alcançam níveis altíssimo de acerto no preparo, caso do inacreditável “huevos rotos”, indecente (de tão gostosa) combinação entre batatas fritas, ovos com gema mole e linguiça.
O fato é que o Entretapas vai crescer. Ontem em me encontrei com a dupla Jan Santos, o chef, e Antonio Alcaraz, que tocam o restaurante, numa degustação de cavas maravilhosas da Juvé y Camps. Papo vai, papo vem, eles me contaram a boa nova: vão abrir mais um Entretapas, desta vez no Jardim Botânico (no número 94 da rua Saturnino de Brito. OU seria 84?). O restaurante vai abrir para almoço, e terá um espaço no segundo andar mais dedicado aos vinhos.
– Ali vamos poder servir pratos da cozinha espanhola. Coisas simples, como o que as pessoas comem no dia a dia. Peixe grelhado, paleta de cordeiro assada, e sempre um tipo de arroz – disse o Jan Santos, cheio de entusiasmo.
Pois eu, de cá, só posso ficar contente, e desejar boa sorte à dupla.

Índice de posts de bares e restaurantes na cidade do Rio de Janeiro:clique aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: