Mendoza, primeiro dia, parte um: um almoço regado a Inéditos Torrontés Brutal 2012

 

Bistrô M - Park Hyatt Mendoza 1

Adoro a cozinha aberta do Bistrô M, no hotel Park Hyatt, de Mendoza.  E foi ali, com um belo café da manhã (depois de dez horas de viagem madrugada adentro, desde Neuquén, de ônibus), que começou o primeiro dos nossos cinco dias na cidade ,- a capital do vinho argentino (são cerca de 1.400 vinícolas!!!) -, com direito a uma escapada até San Juan, onde visitamos três bodegas.

Bistrô M - Park Hyatt Mendoza 2

Ao centro, um grande forno, a gás, que parece a lenha, pela forma, e pelo resultado do que é assado ali dentro.

Inéditos Torrontés Brutal 2012
A chegada a Mendoza foi triunfal. Pelo que bebemos. No almoço, abrimos uma garrafa do Inéditos Torrontés Brutal 2012, um desses vinhos desconcertantes, não filtrado, com aromas que fogem do usual, um branco com estrutura, vinificado como se fosse um tinto, com maceração com as cascas. Sim, um vinho laranja, uma das obras-primas de Matias Michellini. O vinho tem aromas de mel, uvas passas (brancas), tâmaras e casca de laranja cristalizada. Um vinho denso, com volume de boca, e uma alta acidez – direta, picante, pontiaguda.

Bistrô M - Park Hyatt Mendoza 4
Foi o destaque do almoço, mostrando grande versatilidade à mesa. No meu caso, se entendeu muito bem com a entrada, uma espécie de pizza (fugazetta, para eles), com rúcula, azeitonas pretas e um toque de queijo azul.
Ok, isso era de se esperar. Mas, ando cada vez mais convencido de que certos brancos vão bem com carnes, e esse é o caso dos vinhos laranjas. Pra mim, os vinhos de Josko Gravner (que não são laranja, e não são mesmo, mas sim, âmbar) são altamente gastronômicos, e pratos com cordeiro e vitela ficam divinos com eles (para ler mais sobre os vinhos de Gravner, clique aqui).

Bistrô M - Park Hyatt Mendoza 5

De modo que deixei um pouco do vinho, não só para prolongar o prazer de degustar o Inéditos Torrontés Brutal 2012, mas também porque imaginei que ele se entenderia bem com o prato principal, uma carne (esqueci qual, mas acho que vacío) fatiada, servida com acompanhamentos generosos: queijo, cebola, pimentão vermelho, e um molho roti.

Cabernet Franc

Tínhamos na mesa um Cabernet Franc, mais um belo Cabernet Franc argentino. Essa, uma escolha segura e certeira para um prato assim. E, de fato, ficou muito bom. Mas o Torrontés também brilhou. E eu fiquei ali, com momentos de grande prazer, fazendo algo que tenho gostado muito. Provar dois vinhos com um mesmo prato, e melhor ainda se for um branco e um tinto. Dou um gole no branco. E então uma garfada na comida. Sinto o entendimento da dupla. E então bebo um gole de água, ou vou mesmo direto ao tinto. E dou outra garfada. E sinto como se comportam juntos. E vou ao branco novamente. Que limpa e boca. E, nesse motocontínuo, amigo, só tenho algo a lhe dizer: o vinho nasceu para dar prazer, e não trazer preocupações.

Bistrô M - Park Hyatt Mendoza 6
Encerrei com um sorvete caseiro de pistache, bem bom gostosinho.

Melodía Malbec Rosé Dulce

 

Foi servido com um alegre espumante rosado, e docinho. Ficaria melhor com um doce com frutas vermelhas, tipo tartelete de framboesas, cheseecake com calda de morango e outras variedades do gênero, bem como no preparo de coquetéis.

E de lá começamos uma intensa agenda de visitas e degustações (só em Mendoza, provamos cerca de 200 vinhos, em cinco dias). Mas isso é assunto para outro post, certo?

Anúncios

3 Respostas to “Mendoza, primeiro dia, parte um: um almoço regado a Inéditos Torrontés Brutal 2012”

  1. Nilson Cesar Says:

    Maravilha!

  2. Helio Buccos Says:

    Amei os relatos gastronômicos do Peru e agora, deleitando-me com estes relatos da Argentina. Vontade de conhecer o Peru e se voltar à BsAs e à Mendoza e conhecer a Patagônia, principalmente a Bodegas Del Fín Del Mundo. Gracias Bruno!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: