Guia 450 Sabores do Rio 18 – Mr Lam: difícil escolher, mas o picante ma mignon é campeão

O troféu pelo conjunto da obra vai mesmo para o chamado Ma Mignon Mr. Lam, um filé mignon à milanesa, fatiada, com a carne muito, mas muito macia, e a casquinha crocante, servido com "um molho para não esquecer jamais", como define o próprio menu. Não é exagero.

O troféu pelo conjunto da obra vai mesmo para o chamado Ma Mignon Mr. Lam, um filé mignon à milanesa, fatiada, com a carne muito, mas muito macia, e a casquinha crocante, servido com “um molho para não esquecer jamais”, como define o próprio menu. Não é exagero.

O prato mais famoso do Mr. Lam é seguramente o pato laqueado à moda de Pequim, que segue um ritual de serviço bonito, e que de fato é mesmo muito bom, com as suas panquequinhas e as finas tirinhas de pepino e cebolinha verde, que vamos montando com as mãos, e comendo com elas. O restaurante tem uma incrível regularidade, e serviço impecável, traços marcantes do restaurante de Eike Batista que se aplica a todos os pratos (saem sempre iguais em termos de ingrediente, tempero e cozimento). Outro ícone da casa é o satay de frango, com um molho cremoso de curry, gengibre e amendoim incrível (suponho, porque o molho, como tantos ali, é “secreto”). E há outros pratos emblemáticos, como os Mr.Batista prawns, camarões grandes e servidos imersos em molho agridoce pícante, e a sopa de Pequim (com cogumelos, gengibre, frango, camarão e pimenta), o Sqwab e Gambie (enroladinhos que nós mesmo fazemos, com frango bem temperado e um molho escuro, adocicado), os dumplings (gosto do Sui Lon Po, de porco). Isso sem falar no Mr. Lam’s Noodles, com porco e cogumelos, cuja massa, todas as noites, é aberta no meio do salão, um espetáculo digno do Circo Nacional da China. E nas sobremesas (a mais famosa é o falso ovo, com “gema” de maracujá e “clara” de coco). O repertório de receitas chinesas (mais precisamente, de Pequim) é vasto. O próprio arroz frito, acompanhamento, ganha contornos de celebridade, em seu preparo soltinho, com camarão, cebolinha e ovo mexido. Mas o troféu pelo conjunto da obra vai mesmo para o chamado Ma Mignon Mr. Lam, um filé mignon à milanesa, fatiada, com a carne muito, mas muito macia, e a casquinha crocante, servido com “um molho para não esquecer jamais”, como define o próprio menu. Não é exagero. O molho – escuro, denso, apimentado – envolve o mignon de tal madeira que realmente fica difícil tirar da memória. Melhor ainda, se tivemos um potinho de arroz frito ao lado. Com todo o respeito ao pato laqueado, o Ma Mignon é campeão.

MR LAM – Rua Maria Angélica 21, Lagoa. Tel. 2286-6661. De seg. a qui., das 19h à meia-noite e meia; sex. e sáb., das 19h à 1h; dom., das 13h às 23h. http://www.mrlam.com.br Aceita cartões.

Tags: , , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: