Guia 450 Sabores do Rio 34 – Barsa: o restaurante que elevou o patamar do Cadeg e o seu delicioso coelho à moda da Borgonha

O coelho preparado à moda da Borgonha, com bacon magro, cogumelos frescos e minicebola, servido com arroz mix de cereais, é uma receita marcante do Barsa, no Cadeg, em Benfica

O coelho preparado à moda da Borgonha, com bacon magro, cogumelos frescos e minicebola, servido com arroz mix de cereais, é uma receita marcante do Barsa, no Cadeg, em Benfica

O Cadeg, Centro de Abastecimento do Estado da Guanabara (agora Mercado Municipal do Rio de Janeiro), em Benfica, um mercado com forte identidade portuguesa, sempre teve a sua fama gastronômica. Seja pela fartura das porções do Poleiro do Galeto, seja pelo cardápio lusitano do Cantinho das Concertinas, e suas lindas festas que começam na manhã de sábado e entram pela tarde. Mas foi a chegada do Barsa, do chef Marcelo Barcellos, que estabeleceu um novo patamar. É um restaurante muito particular, um complemento perfeito para um passeio pelo Cadeg, onde podemos comprar cervejas e vinhos, além de toda a sorte de alimento (é referência em bacalhau, azeite e outras iguarias portuguesas), artefatos de jardinagem e flores (é referência em floricultura). Há várias boas escolhas no menu, de perna de cordeiro a pratos com bacalhau, honrando a tradição deste mercado tão lusitano na alma. Tem leitãozinho de leite com feijão tropeiro, linguiça e couve; arroz de pato e até um “ossobuco” de pescoço de cordeiro, assado ao vinho do Porto, algo único na cidade. Mas o coelho preparado à moda da Borgonha, com bacon magro, cogumelos frescos e minicebola, servido com arroz mix de cereais, é também uma receita marcante. Bom demais. O molho, denso, perfumado e saboroso, tem a medida exata de temperos. O caldo é valorizado pelas cebolas, pelos nacos vistosos de bacon, e pelos ótimos cogumelos. Com o perdão do clichê, a carne se desmancha na boca. Podemos comer com a colher. O arroz integral preparado com mix de frutas secas e cereais é um complemento à altura, emprestando doçura e um ambiente próprio para receber o molho. E se no sábado o programa ganha tempero português na festa que rola na vizinhança, no domingo o som é brasileiríssimo: rola uma roda de chorinho ali mesmo no Barsa, e a bem da verdade esse acaba sendo o melhor dia para se visitar a casa, mas muita gente sabe disso, e geralmente fica lotado. Vale a pena.

BARSA – Cadeg: Rua Capitão Félix 110, rua 4, lojas 4 e 6, Benfica. Tel. 2585-3743. Seg. a qui., do meio-dia às 16h; sex. a dom., do meio-dia às 17h. http://www.barsa.net.br/ Aceita cartões.

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: