Guia 450 Sabores do Rio 37 – Bar do Momo: o boteco de cozinha criativa na Muda, e o seu clássico bolinho de arroz

Bar do Momo - Bolinho de arroz

O bolinho de arroz com queijo e linguiça do mar do Momo, um clássico da casa: tem recheio cremoso e a casquinha bem dourada, e merece gostas de pimenta para intensificar o seu sabor.

 

O Bar do Momo alcançou o estrelato. Entrou na rota dos melhores botequins do Rio, chamando a atenção para o pequeno balcão. Por trás do sucesso está Antonio Carlos Laffargue, o Toninho do Momo, como é conhecido o jovem cozinheiro, que assumiu o comando das panelas do antiga negócio familiar, e começou a aprontar. A origem do burburinho ao redor deste boteco miúdo da Muda são os bolinhos de arroz com queijo e linguiça, uma simples ideia brilhante, com interior saboroso e cremoso, cheio de sabor, com a casquinha dourada. É o clássico da casa, tipo de petisco obrigatório em uma primeira visita. Na segunda, também. Ir ao Momo significa comer bem, e comer os tais bolinhos. Merece gostas de pimenta para intensificar o seu sabor. No lugar são servidas refeições substanciosas, e com direito a algumas provocações, como o divertido farol de milha, uma bem executada combinação entre fatias de carne assada recheada com linguiça, daquelas bem saborosas, com molho denso, imersas em queijo meia-cura derretido, com um ovo frito em cima, o próprio farol de milha… Torradas de alho estratégicas chegam junto, justamente para serem usadas de várias formas: pode ser afundada no molho ou servir de base para levar o conjunto à boca. Há pratos do dia. Sexta-feira, por exemplo, tem feijoada, que conta com uma legião de adeptos. Toninho está sempre criando novidades, e muita coisa só sai quando ele está na cozinha, como os hambúrgueres, tal o que é feito com linguiça artesanal, cebola roxa e maionese de Dijon no pão de farelo de trigo, ou a versão com carne assada, cebola roxa e geleia de pimenta. Uma das versões clássicas do sanduíche é um burger alto, com muito queijo derretido, um belo ovo frito por cima, e muita cebola frita, fininha e crocante, ao lado. Recentemente ele lançou a Larica da Muda: um “bolão” de arroz recheado com duas linguiças, cebola caramelizada e ovo caipira. Tartare de jiló? Pois sim, ele pode ser servido. De vez em quando acontece o “Convite do Rei”, quando um chef aparece para cozinhar ali.

BAR DO MOMO – Rua General Espirito Santo Cardoso 50, loja A, Tijuca. Tel. 2570-9389. De seg. a sáb., das 14h às 22h. Dom. e feriados, das 10h às 18h. Aceita cartões.

Tags: , , , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: